Publicidade

Novo VW Jetta 2019, ganha acessórios e perde potência

Compartilhe:
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Outubro é a data oficial para lançamento do Jetta 2019, ele chega com estilo novo, cheio de acessórios e menos potência!

O novo Jetta está chegando mais equipado do que nunca, montado sobre a nova plataforma modular da VW chamada de MQB, mesma do Polo e do Virtus, ele fica um pouco maior, com 4,7 metros de comprimento (4,3 cm maior), 1,8 metro de largura (2,1 cm maior), 1,47 metro de altura (1 mm a mais), entre eixos de 2,69 metros (3,7 cm maior) e o porta malas de 510 litros.

Visualmente ele seguiu um pouco da identidade Polo e Virtus, por fora e principalmente por dentro, onde assuma a identidade da família, tendo grade frontal trapezoidal (herdada do Arteon, sedã vendido na Europa), com vincos sobre o capô, e vincos laterais aprofundados, além é claro da traseira totalmente inspirada no Virtus.



Acessórios e recursos ele tem de sobra, contando com ar-condicionado, seletor de modos de condução, faróis e DRLs de LED, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, seis air-bags, bancos com material imitando couro, rodas de liga leve e iluminação da cabine customizável.

Para o motorista também tem recursos de assistência a direção, como assistente de partida em rampa, frenagem de emergência na ré e bloqueio eletrônico do diferencial, isso na versão Comfortline 250 TSI.

Já na versão R-Line 250 TSI ele possui os mesmos recursos, contando também com quadro de instrumentos digital, piloto automático adaptativo, alerta de distância do veículo a frente, detector de fadiga, sistema de frenagem pós-colisão e farol alto com regulagem automática anti-ofuscamento.



Na parte de entretenimento ele vem com central multimídia Discovery Media, que conta com Apple Carplay e Android Auto, que aciona os ajustes do carro e do GPS, e pode ser usado com dois aplicativos, que são o manual cognitivo por digitação ou voz e o outro que permite o controle da central via Apple Carplay ou Android Auto, liberando o controle do som para os passageiros.

Quanto a motorização ele decepciona, antes um 2.0 de 211 cv de potência, agora passa a ser um motor 1.4 TSI de 150 cv de potência e 25,5 kgfm de torque (250 Nm, o que define o 250 do nome)nas duas versões, os dois engatados por uma caixa de câmbio automática de 6 velocidades.



Referente ao preço, a versão Comfortline 250 TSI chega por R$ 109.990, enquanto que a versão R-Line 250 TSI chega por R$ 119.990.

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *