Publicidade

Industria automotiva para por causa do Coronavírus

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A indústria automotiva está parando pelo Mundo todo, assim como outras também, e no Brasil não é diferente, essa semana Ford, Volkswagem, GM, Mercedes-Bens, entre outras, anunciaram interrupção nas atividades por motivo da saúde dos seus funcionários devido a pandemia de Coronavírus.

Na quarta feira a GM anunciou que dará férias coletivas a todos funcionários de todas suas fábricas no Brasil no período de 30/03 até 12/04, parando as fábricas de São José dos Campos, Mogi das Cruzes, São Caetano do Sul, Gravataí e Joinville, paranado aproximadamente 15.000 funcionários.

No dia 19 a Volkswagen anunciou que dará férias coletivas de 15 dias a todos os funcionários a partir do dia 31 de março, sendo que já param segunda dia 23 em 1 semana de banco de horas para o pessoal das linhas montagem, enquanto o pessoal administrativo fica trabalhando home office do dia 23 até 30, entrando de férias na sequencia, com isso, paralisando por 3 semanas 4 fábricas, 3 de veículos e 1 de motores, respectivamente em São Bernardo do Campo, Taubaté, São José dos Pinhais e São Carlos.



A Ford também anunciou paralisação no Brasil dos dias 23/03 até 13/04 em Camaçari e Taubaté, enquanto que na Argentina a planta de General Pacheco paralisará do dia 25/03 até 06/04.

Mercedes-Benz também anunciaram férias coletivas a partir do dia 30/03 até 22/04, sendo que ainda dará folga pra todos os funcionários nos dias 25, 26 e 27 de março, parando as fábricas de São Bernardo do Campo, Iracemápolis e Juiz de Fora, sendo que a Mercedes foi a única a justificar a parada para preservar a saúde dos funcionários, enquanto as demais justificam “adaptar a produção a demanda”.



ATUALIZAÇÃO: A FCA anunciou a parada de cerca de 10.000 funcionários por causa do Coronavírus, sendo que eles ficaram de férias coletivas do dia 27/03 até 20/04 parando todas as suas fábricas no Brasil em Betim, Goiania e Campo Largo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *